19.10.08

Com A Faca Entre Os Dentes

Caramba!
Acordar cedo em sábado nunca é bom.
Acordar cedo num sábado CHUVOSO é pior ainda.
Pois foi o que fiz hoje. Apesar da preguiça hegemônica me levantei.
Não estava muito animado, eu podia garantir que se eu parasse em qualquer assento eu iria dormir.
É uma péssima descrição pra quem estava indo assistir palestras não?
Realmente.
A coisa mais "Caramba!" que aconteceu hoje, no entanto, foi eu não dormir durante as palestras. E pior, sem nenhum método artificial.
O segredo: o interesse.
Cara, to realmente começando a acreditar na frase: "Querer é poder", afinal, eu estava muito interessado em aprender e apreender o máximo possível.
E acho que deu certo.
Hoje que ouvi uma expressão que acho que vou usar muito daqui pra frente: "Agir com a faca entre os dentes". Caramba! [3].
Não sei se já ajo assim mesmo, mas que eu tento, eu tento. Mas daqui pra frente vou investir muito mais nisso de correr atrás das coisas, mais do que já to fazendo. [Assim não vou dormir, mas...]
Bom, já falei demais e a dica vai ficar aqui, boiando pra qualquer um ver.
Se tem algo que você quer, corre atrás dela com a faca entre os dentes mew!!! xD

12.10.08

Something Vague

É, finalmente a letra da música que tanto mexe comigo à ponto de merecer um espaço de destaque nesse meu blog.
Something Vague do Bright Eyes. Simplesmente.

Something Vague - Algo Vago

Now and again it seems worse than it is
Agora e de novo, isso parece pior do que é
But mostly the view is accurate
Mas na maior parte das vezes a vista é exata
You see your breath in the air
Você ve sua respiração no ar
As you climb up the stairs
Enquanto sobe as escadas
To that coffin you call your apartment
Para aquele caixão que você chama de seu apartamento
And you sink in your chair
E você afunda em sua cadeira
Brush the snow from your hair
Tira a neve de seus cabelos
And drink the cold away
E bebe para afastar o frio
You're not really sure
E você não está realmente certo
What you're doing this for
Porque está fazendo isso
But you need something to fill up the days
Mas você precisa de algo para preencher os dias
A few more hours
Algumas horas a mais

There's a dream in my brain that just won't go away
Há um sonho em meu cérebro que simplesmente não vai embora
It's been stuck there since it came a few nights ago
Está preso lá desde que veio há algumas noites atrás
I'm standing on a bridge in the town where I lived
Eu estou numa ponte na cidade onde vivi
As a kid with my mom and my brothers
Quando criança com minha mãe e meus irmãos
And then the bridge disappears
E então a ponte desaparece
And I'm standing on air
E eu estou flutuando no ar
With nothing holding me
Com nada me segurando
And I hang like a star
E eu me penduro como uma estrela
Fucking glow in the dark
Brilhando pra caralho na escuridão
For all those starving eyes to see
Para que todos aqueles olhos famintos nos enxerguem
Like the ones we've wished on
Do jeito como nós desejamos tanto

But now I'm confused
Mas agora estou confuso
Is this death really you?
Essa morte é realmente você?
Do these dreams have any meaning?
Esses sonhos têm algum significado?
No. No, I think it's more like a ghost
Não. Não, eu acho que são mais como um fantasma
That's been following us both
Que tem seguido ambos de nós
Something vague that we're not seeing
Algo vago que nós não estamos vendo
Something more like a feeling
Algo mais como um sentimento

11.10.08

Rir Demais.

mSexta-feira de uma semana pra lá de estressante. Sexta-feira de uma semana definitivamente corrida e finalmente [ou não] chega-se ao fim de semana.
Mas antes de se dirigir pela quinta vez na semana para o ônibus que me levará para casa, surge a possibilidade de uma 'visita' ao reduto sagrado de milhares e milhares de estudantes universitários: o bar.
Tá certo que eu nem tinha tantas razões pra sair bebendo pra comemorar, nem muitas pra afogar as mágoas também, e eu muito menos tinha grana suficiente pra esbanjar numa sexta-feira. Nada disso, mas mesmo assim fui.
Fui. E acompanhado de cerca de quinze bixos tive um fim de tarde bizarramente proveitoso. Apesar de beber pouco e de não ter os amigos de sempre por lá, foi muito bom tirar um tempo na semana só pra se livrar, pelo menos um pouco, do stress semanal.
Ri até todos os músculos que se envolvem no mecanismo da risada estarem doendo.
Verdade. Rir até doer é foda, é bom. Mas ao mesmo tempo vejo como toda essa correria de semestre da facul já tá me afetando.
No meu caso, rir demais é meio que um mecanismo de nervosismo, desespero mesmo. xP
Mas nada que não passe. [espero]
Agora é tirar o fim de semana pra recuperar o tempo [e o estudo] perdido e logo se preparar pra terrível segunda-feira porque começa tudo de novo.
On and on again!