9.2.11

Pensamentos Pensantes

Creio que já falei disso por aqui, mas como pode-se notar, é algo que não consigo evitar de falar...
Férias são sempre esse momento estranho. Por mais que você sempre espere o descanso, o sossego, a bonança... O tédio sempre acaba chegando junto.
Mas já há uns tempos parei de reclamar sobre ele e em seu lugar percebi outra coisa que tem força total nesse período do ano: pensamentos pensantes.

Pô, alguém mais tem disso por aí?!

Ter os pensamentos livres, pensando por si próprios e você só os vendo passar. E eles vão se sobrepondo um após o outro, fora de controle...
A hora mais fácil de se perceber isso é na "hora de dormir". Nada como deitar, pronto para dormir, e seus pensamentos começarem a se repassar, relembrando e criando memórias e sensações que quase sempre não deveria estar presenciando.

Enfim, acho que esses pensamentos pensantes fora de controle são só outra faceta dessa hiperatividade mal resolvida.
Pensar demais, sentir demais, falar demais, se agitar demais... eu poderia ficar falando sobre isso por posts e mais posts... xP
Bom, esse post ficou parecendo algo meio insano, mas garanto que estou no controle (da maioria) de minhas faculdades mentais... =P

5 comentários:

Ianara Fernanda disse...

não se preocupe, você não é o único com hiperatividade mal resolvida. Se te conforta saber, existe, pelo menos mais uma pessoa assim no mundo: EU.
ambos com pensamentos pensantes nos momentos mais inoportunos da vida!
;*

ƒℓą√!ø disse...

Não sei bem se chamaria os meus de "pensantes", mas certamente são inoportunos. Especialmente porque parecem aquelas propagandas que você vê pela janela do metro ou do ônibus, sente um ímpeto de decifrá-las, que parar para lê-las ou desfrutar delas, mas quando se dá conta, já passaram. Que ódio que dá. Acontece quando quero paz mental, invadem minha cabeça e me deixam elétrico. Perdi dezenas de boas ideias assim: pensamentos demais, vontade de escrevê-los de menos (geralmente por sono).

A propósito, deixe algumas de suas faculdades mentais descontroladas, mesmo. Fica bem mais interessante e divertido viver.

Suzi disse...

Oi...
Quando estava naquele turbulento processo de facul-trabalho, não tinha nem tempo para 'pensar pensamentos'.. Chegava em casa,
capotava, literalmente!!!
Agora, que estou só trabalhando (terminei a facul, ufa!, esperando começar minha pós), vou para casa com estigma de que está faltando algo...
Na hora de dormir, é quando mais percebo que meu tempo está vazio... De repente, a mente viaja... E, todos aqueles "demais" (que você citou), ficam longos minutos, muitas vezes, até horas, vagando pelo meu subconsciente...
É Trash!!!
Concordo plenamente com seu texto!!

Beijos!

Amanda. disse...

É...meus pensamentos pensantes desenfreados resolveram "comprar" um submarino amarelo, me deu vontade de ir a praia e ler um pouco o livro que to lendo. Obrigada,me identifico muito com seus textos.

Amanda. disse...

É...meus pensamentos pensantes desenfreados resolveram "comprar" um submarino amarelo, me deu vontade de ir a praia e ler um pouco o livro que to lendo. Obrigada,me identifico muito com seus textos.