24.11.07

Tempo.

Não sei quanto às outras pessoas, mas uma das coisas que mais me assombra é o tempo.
Não estou falando "tempo" no sentido de clima, e sim dessa variável que e que nos arrasta pra frente e nunca volta atrás, essa imaterialidade que governa nossas vidas e torna alguns de nós escravos à sua total mercê.
Pode parecer meio exagerado, mas pra mim o tempo é algo muito cruel, não só pelo fato de ficarmos velhos, mas também porque para o tempo não existe segunda chance. Você faz algo e... está feito! Tudo bem que, às vezes, só o tempo cura algumas feridas e que só com o tempo passamos a entender coisas que nos aconteceram no passado, mas ao mesmo tempo, ele nos priva das pessoas com quem desejaríamos passar o resto do eternos tempos.
Não sei se isso é normal, ou eu que já estou apresentando defeitos de fabricação, mas não tenho muitas lembranças antigas, "o tempo apagou" literalmente. Lembranças antigas que digo são memórias de quando era criança, isso é estranho, as mais antigas que tenho eu já tinha, sei lá, uns 8 ou 9 anos, e tem gente que eu conheço que fala que lembra de coisas bem antes disso. Estranho.
Acho que uma das minhas lembranças mais antigas foi de um primeiro dia de aula, clássica essa né? Um molequinho magrelo, japinha, quietinho (na época), nerdzinho (muito mais na época) sozinho no primeiro dia de escola, nem gosto de lembrar direito. Mas sobrevivi né? Estou aqui e suportei a tudo que passou, e o tempo pode provar isso... ou causou isso, tanto faz!
Ainda mais que dizem que só com o tempo algumas coisas como experiência vêm... Por isso dou a maior razão pra aqueles que dizem que não estão velhos e sim "experientes". =P
Quero ver se o tempo vai permitir que, um dia, eu me torne experiente também. ¬¬
Afinal, o tempo que nos é dado nem sempre é suficiente o bastante para que possamos realizar tudo que desejamos, por isso é melhor aproveitar o tempo que nos foi dado.
Abraços galera.